Mais uma vítima da corrente elétrica!

Responder
DEUS AMIGO
Velha Guarda
Velha Guarda
Mensagens: 474
Registado: 17 nov 2010, 22:55
Profissão: Curioso de electricidade
Localização: Não me lembro estou com Alzaimer!

Re: Mais uma vítima da corrente elétrica!

Mensagem por DEUS AMIGO » 23 mar 2012, 22:36

ò amigo Pinto 69 obrigado pelo chapeu, mas quando se trata de protecção á termoacumolador esta é adequada e os 10MA de diferêncial e a adequada para o tipo de aparelho em questão! sei que é bastante mais caro mas se o proprietário quer presevar o corpo é que eu aconselho e se houve-sse mais baixo ponha o minimo que houve-se e ai poderia fazer um termo de responsabilidade á maneira, agora se o cliente quer montar á sua maneira para evitar de gastar uns euros, não á termo de responsabilidade para ninguêm! ou é minha maneira ou não e depois da montagem uma boa foto do equipamento instalado não se perde nada.



Avatar do Utilizador
Pinto69
Curioso
Curioso
Mensagens: 15
Registado: 21 nov 2008, 16:55

Re: Mais uma vítima da corrente elétrica!

Mensagem por Pinto69 » 16 abr 2013, 15:25

oi


lembrei-me do tema quando tropeçei nesta raridade

http://www.dre.pt/pdf1s/1991/10/245B00/54945494.pdf

No seguimento de muitas das Criticas/sugestões aqui feitas, pelos vistos existe regulamentação neste sentido... o problema é quem é que entra dentro da casa das pessoas... é como fazer um furo artesiano (poço). É obrigatorio cadastrar mas...


cumps
"A verdade não pertence a ninguém, mas tão somente a quem seja capaz de a entender" - Estação dos Olivais - Metropolitano de Lisboa

edeluz
Pré Oficial
Pré Oficial
Mensagens: 453
Registado: 09 out 2016, 16:59
Profissão: Electricista
Enviou: 84 vezes
Agradecimento recebido: 18 vezes

Re: Mais uma vítima da corrente elétrica!

Mensagem por edeluz » 10 jul 2018, 00:40

Olá,

Estive a ler todos os tópicos deste thread e deixo aqui a opinião de alguém que está a entrar neste momento na área. Ainda estou a estudar para ser electricista, e devo dizer que até agora conto pelos dedos as pessoas correctas que conheci nesta área. É tudo vigaristas. O professor quer ensinar a calcular a corrente no neutro....ninguem quer saber disso! O professor quer explicar classes de equipamentos....ninguém quer saber disso. O professor diz que deve haver mais do que um diferencial num só quadro....ninguém quer saber disso!

Resumo da ópera e como é obvio estou a generalizar. Mas a ideia com que fico é que para conseguir sobreviver nesta área tenho que fazer como todos fazem! É ligar, receber, e vamos para o próximo cliente. Então agora com esta história dos termos de responsabilidade, Certiel ao ar, e o famoso siresp....enfim...é com cada história/esquema que tenho que aturar.

O balanço que fazo é que a culpa tanto é do opressor como do oprimido. Se existem "técnicos" que são criminosos - os bons técnicos tem que os denunciar! Se existem instalações que vão para a frente sem condições minimas de segurança - então é preciso criar orgões competentes para realizar inspeções (rápidas) e aplicar coimas nos supostos electricistas.

Porque daqui a nada apenas existe lugar para os vigaristas. Falo por mim...tirando o prazer que tenho em electrotecnia não tenho motivo nenhum para entrar na área. Como vou conseguir ganhar dinheiro (reaver o dinheiro que estou a investir na educação) numa área onde existem pessoas que fazem o trabalho por uma nota de 50€!? Onde não existe distinção entre os correctos e os errados? É que se estivermos à espera que seja o cliente a filtram....sou da opinião que bem que morremos à fome!

Em suma quero deixar a mensagem que temos que defender a classe!

Avatar do Utilizador
rmvg
Curioso
Curioso
Mensagens: 31
Registado: 21 jul 2017, 00:08
Profissão: Eletromecanico
Localização: Oeiras
Enviou: 1 vez
Agradecimento recebido: 3 vezes

Re: Mais uma vítima da corrente elétrica!

Mensagem por rmvg » 10 jul 2018, 19:37

Montar um termoacumolador nao tem ciência nenhuma e o acidente nem deve ter sido devido à montagem mas sim à qualidade do mesmo como é possível as grandes superfícies venderem aparelhos de marca branca a metade do preço de um de marca

edeluz
Pré Oficial
Pré Oficial
Mensagens: 453
Registado: 09 out 2016, 16:59
Profissão: Electricista
Enviou: 84 vezes
Agradecimento recebido: 18 vezes

Re: Mais uma vítima da corrente elétrica!

Mensagem por edeluz » 10 jul 2018, 20:10

rmvg Escreveu:
10 jul 2018, 19:37
Montar um termoacumolador nao tem ciência nenhuma e o acidente nem deve ter sido devido à montagem mas sim à qualidade do mesmo como é possível as grandes superfícies venderem aparelhos de marca branca a metade do preço de um de marca
Cozer a ferida de alguém também não tem ciência nenhuma! E acredita sei fazer um ponto cruz excelente! (estou a falar a sério! Aprendi com as minhas avós) Agora se estou apto a fazer este tipo de serviço ou não é óbvio que não! Durmo com uma enfermeira todas as noites (é sempre a mesma ok! :D e o que me distingue dela é o facto de ela ter estudado e treinado para saber o que faz quando tem que cozer alguém!

É graças a esses tipos de atitudes que temos todos a fazer tudo! Resumindo, é uma confusão dos diabos! As profissões vão perdendo crédito e conteúdo. Até porque nos últimos anos ganhou-se a ideia que não é preciso estudar. Basta ir fazendo....

Josecalado
Técnico Dedicado
Técnico Dedicado
Mensagens: 569
Registado: 18 abr 2010, 12:23
Localização: Setúbal
Enviou: 2 vezes
Agradecimento recebido: 16 vezes

Re: Mais uma vítima da corrente elétrica!

Mensagem por Josecalado » 10 jul 2018, 22:17

rmvg Escreveu:
10 jul 2018, 19:37
Montar um termoacumolador nao tem ciência nenhuma e o acidente nem deve ter sido devido à montagem mas sim à qualidade do mesmo como é possível as grandes superfícies venderem aparelhos de marca branca a metade do preço de um de marca
Curiosamente a maior parte dos acidentes com energia elétrica, deve-se a proteção inadequada dos respetivos circuitos, e mesmo aparelhos de marca branca se os circuitos de proteção estiverem bem executados a probalidade de acidente é bastante reduzida, lembrar que um equipamento instalado e a funcionar não quer dizer que esteja bem instalado e em segurança.

Cumprs.

lcmmonteiro
Aprendiz
Aprendiz
Mensagens: 121
Registado: 19 abr 2017, 15:34
Profissão: Eletricista
Localização: Barreiro
Enviou: 1 vez
Agradecimento recebido: 9 vezes

Re: Mais uma vítima da corrente elétrica!

Mensagem por lcmmonteiro » 11 jul 2018, 00:31

Note que criar sistemas de terra individuais só para um andar para além de não ser correto também não é legal.

Compreendo o dilema se os outros não querem pagar também não vão usar o meu.


Todo o sistema de terra tem que obrigatoriamente passar por todas as caixas colectivas ou seja caixas de coluna e se existe portinhola tem lá que passar.

Legalmente não é permitido criar sistemas independentes em prédios.

E obrigação do condomínio analisar a instalação e realizar os trabalhos necessários e comuns a todos os fogos.

No caso de Instalações antigas ou se criam condições adaptáveis respeitando as normas ou então o melhor é nem.mecher. .. Se tiver o acaso de um dos moradores ser advogado e daqueles capazes de levar avante pode ter problemas...

Não misturem os assuntos de moradias com prédios. .. Sempre que existem partes comuns os assuntos são mais delicados... e não usem também a justificação de que já fiz várias vezes e não tive problemas pois criticamos os erros dos outros e que fazem isto é aquilo só para ganharem dinheiro e algumas vezes ainda que não com tal objectivo acabamos por ser parecidos...

ENERGY
Team Apoio
Team Apoio
Mensagens: 5082
Registado: 18 fev 2009, 21:21
Profissão: Eletricista
Localização: Portugal de Norte a Sul
Enviou: 21 vezes
Agradecimento recebido: 189 vezes

Re: Mais uma vítima da corrente elétrica!

Mensagem por ENERGY » 11 jul 2018, 00:56

lcmmonteiro Escreveu:
11 jul 2018, 00:31
Note que criar sistemas de terra individuais só para um andar para além de não ser correto também não é legal.

Compreendo o dilema se os outros não querem pagar também não vão usar o meu.


Todo o sistema de terra tem que obrigatoriamente passar por todas as caixas colectivas ou seja caixas de coluna e se existe portinhola tem lá que passar.

Legalmente não é permitido criar sistemas independentes em prédios.

E obrigação do condomínio analisar a instalação e realizar os trabalhos necessários e comuns a todos os fogos.

No caso de Instalações antigas ou se criam condições adaptáveis respeitando as normas ou então o melhor é nem.mecher. .. Se tiver o acaso de um dos moradores ser advogado e daqueles capazes de levar avante pode ter problemas...

Não misturem os assuntos de moradias com prédios. .. Sempre que existem partes comuns os assuntos são mais delicados... e não usem também a justificação de que já fiz várias vezes e não tive problemas pois criticamos os erros dos outros e que fazem isto é aquilo só para ganharem dinheiro e algumas vezes ainda que não com tal objectivo acabamos por ser parecidos...
Boas
Quando acima falou em passar condutor de terra pela portinhola, está a referir-se a portinholas de chapa, classe I de isolamento, pois nas novas da classe II não tem ligação de terra, a mesma liga diretamente no QC, ou diretamente no barramento da contagem centralizada caso exista.

Nada, para além da administração, impede que um qualquer inquilino possa num prédio velho sem terra, que este possa fazer a sua própria terra, e se a administração levantar problemas, o inquilino pode avançar com um processo em tribunal para obrigar a administração a fazer uma nova Coluna Montante de acordo com as RTIEBT.
Cpts.
Energy

lcmmonteiro
Aprendiz
Aprendiz
Mensagens: 121
Registado: 19 abr 2017, 15:34
Profissão: Eletricista
Localização: Barreiro
Enviou: 1 vez
Agradecimento recebido: 9 vezes

Re: Mais uma vítima da corrente elétrica!

Mensagem por lcmmonteiro » 11 jul 2018, 01:20

No primeiro ponto se é antigo provavelmente a portinhola se existir e de certo metálica. No entanto não existindo ou se não for metálica sim passa para a caixa de coluna. Aqui estamos de acordo.

No passo seguinte se tem esse raciocínio em mente então deveria começar pelo correto principio é expor a situação à administração do condomínio e tentar fazer se entender da importância do trabalho adicional e necessário. Caso seja necessário fazer se acompanhar por relatório de um técnico ou até mesmo da edp alertando para a necessidade e real efeito da existência deste condutor.

Sei que existem muitas pessoas casmurras e incapazes de entender e que seguem as ideias do passado e que já funciona assim a mais de 40 anos e que.nunca houve problemas...

Não é um processo fácil comunicar e conseguir que a.necessidade ou a razão prevaleçam. ..

Infelizmente é uma realidade que temos no.nosso mercado nacional e que por vezes é desmotivante mas os acidentes acontecem tal como foi referido na criação deste tópico. .. e nós técnicos devemos partilhar o conhecimento e a experiência e salientar as vezes necessárias para que não hajam acidentes nem mortes com situações que podem e devem ser evitadas por erros de ignorância ou com outras razões. ..

Quintas
Aprendiz
Aprendiz
Mensagens: 121
Registado: 16 set 2014, 14:46
Profissão: silvicultor
Enviou: 6 vezes
Agradecimento recebido: 17 vezes

Re: Mais uma vítima da corrente elétrica!

Mensagem por Quintas » 11 jul 2018, 08:25

ENERGY Escreveu:
11 jul 2018, 00:56
lcmmonteiro Escreveu:
11 jul 2018, 00:31
Note que criar sistemas de terra individuais só para um andar para além de não ser correto também não é legal.

Compreendo o dilema se os outros não querem pagar também não vão usar o meu.


Todo o sistema de terra tem que obrigatoriamente passar por todas as caixas colectivas ou seja caixas de coluna e se existe portinhola tem lá que passar.

Legalmente não é permitido criar sistemas independentes em prédios.

E obrigação do condomínio analisar a instalação e realizar os trabalhos necessários e comuns a todos os fogos.

No caso de Instalações antigas ou se criam condições adaptáveis respeitando as normas ou então o melhor é nem.mecher. .. Se tiver o acaso de um dos moradores ser advogado e daqueles capazes de levar avante pode ter problemas...

Não misturem os assuntos de moradias com prédios. .. Sempre que existem partes comuns os assuntos são mais delicados... e não usem também a justificação de que já fiz várias vezes e não tive problemas pois criticamos os erros dos outros e que fazem isto é aquilo só para ganharem dinheiro e algumas vezes ainda que não com tal objectivo acabamos por ser parecidos...
Boas
Quando acima falou em passar condutor de terra pela portinhola, está a referir-se a portinholas de chapa, classe I de isolamento, pois nas novas da classe II não tem ligação de terra, a mesma liga diretamente no QC, ou diretamente no barramento da contagem centralizada caso exista.

Nada, para além da administração, impede que um qualquer inquilino possa num prédio velho sem terra, que este possa fazer a sua própria terra, e se a administração levantar problemas, o inquilino pode avançar com um processo em tribunal para obrigar a administração a fazer uma nova Coluna Montante de acordo com as RTIEBT.
A ver se entendi, pois isto interessa-me diretamente, mas fiquei baralhado. É que tenho precisamente esse caso. O condomínio não está a querer instalar a terra numa obra que se vai fazer agora no prédio. Ainda não chegámos a um Não final, por isso ainda não propus instalar terra só para a fração, neste caso de uma filha minha.

Em prédios antigos, sem terra, não há nada que obrigue à instalação de terra, certo? Mas, então, como é que o RTIEBT pode "obrigar" a administração a fazer uma nova Coluna Montante? Podem esclarecer isto, por favor? Dava-me muito jeito que assim fosse.

Se o condomínio não quiser instalar a terra para todo o prédio, um condómino pode instalar a terra só para a sua fração e o condomínio não se pode opor, é isso? Neste caso, se a portinhola for em chapa, a terra tem que entrar por aí obrigatoriamente, é isso? É esse o meu caso, mas a portinhola está nas escadas e, caso o condomínio não queira mesmo avançar, eu estava a pensar que a terra só para aquela fração entrasse antes pela cozinha, que dá paras as traseiras do prédio onde há um quintal e seria fácil enterrar aí os elétrodos de terra, mas pelos vistos assim não poderá ser, certo?

Obrigado.

ohmico
Velha Guarda
Velha Guarda
Mensagens: 1576
Registado: 22 fev 2008, 14:44
Enviou: 5 vezes
Agradecimento recebido: 34 vezes

Re: Mais uma vítima da corrente elétrica!

Mensagem por ohmico » 11 jul 2018, 14:08

Boas,

Em prédios antigos, sem terra, não há nada que obrigue à instalação de terra, certo?

Atenção que o que afirma não é verdade, uma vez que já o anterior regulamento, estipulava um prazo para que todas as instalações fossem revistas/corrigidas.

O que se passou foi o que é habitual...

Ohmico

lcmmonteiro
Aprendiz
Aprendiz
Mensagens: 121
Registado: 19 abr 2017, 15:34
Profissão: Eletricista
Localização: Barreiro
Enviou: 1 vez
Agradecimento recebido: 9 vezes

Re: Mais uma vítima da corrente elétrica!

Mensagem por lcmmonteiro » 11 jul 2018, 14:24

Na década de 70 foram alteradas estas leis em que obrigavam a correcção das instalações. Infelizmente nao foram corrigidas arrastando se um problema inadequado a evolução dos equipamentos.

Nenhum proprietário pode negar o acesso às respectivas caixas e canalizações das partes elétricas comuns. Seja para este caso em concreto ou até mesmo para um apartamento que necessite realizar um aumento de potência.

Se existem existem estas necessidades devem ser permitidos todos os trabalhos necessários para o correto funcionamento e protecao de pessoas e bens...

O ponto de responsabilidade de custos já é discutível embora possam surgir algumas pessoas que não queiram suportar as despesas podendo estas serem suportadas na totalidade pelo interessado mas nunca pode ser recusado o acesso nem a execução dos trabalhos necessários com vista a melhorar a instalação.

Como já referi o primeiro passo é o diálogo e fazer se acompanhar de fundamentos e documentação técnica que comprove a necessidade e a melhoria para todos.

Mario Lopes
Velha Guarda
Velha Guarda
Mensagens: 156
Registado: 12 jan 2011, 14:37
Localização: Telheiras - Lisboa
Agradecimento recebido: 13 vezes

Re: Mais uma vítima da corrente elétrica!

Mensagem por Mario Lopes » 11 jul 2018, 18:17

Viva,

Não irei falar do acidente que é lamentável, mas desconheço os factos, mas falo daquilo que conheço. A verdade é que muitas das habitações deste pais, e especialmente as mais velhas não tem terra. è obrigado por lei..sim é mas quem paga? Quantos apartamento já fiz, com a instalação a cumprir as regras técnicas e depois nas partes comuns não existe terra? vou ligar onde? ao tubo de agua ??? Claro que não. Alerto o proprietário, Faço um orçamento de projecto e execução de coluna e 99.9% das vezes não é aceite. Uma obra que pode custar para mais de 10 mil euros, os condomínios por vezes nem legais são.. e não tem euros para gastar. Ando nisto a tantos anos e nunca fiz manutenção de edifícios habitacionais, e acredito que quase 100% dos existentes não o fazem. Normalmente são as empresas prestadoras de limpeza que fazem isso.
Tenho um caso de um prédio de 9 andares de 4 inquilinos por piso sem terra..infelizmente não consigo que façam uma remodelação da coluna eléctrica, porque não á consenso entre os condóminos. Isto só com uma carta da EDP ou DGEG, a informar que tinham 6 meses para regularizar ou a energia seria cortada..

edeluz
Pré Oficial
Pré Oficial
Mensagens: 453
Registado: 09 out 2016, 16:59
Profissão: Electricista
Enviou: 84 vezes
Agradecimento recebido: 18 vezes

Re: Mais uma vítima da corrente elétrica!

Mensagem por edeluz » 11 jul 2018, 19:15

É degradante Mário Lopes essa situação!

Entretanto partilho este excelente vídeo:

Avatar do Utilizador
rmvg
Curioso
Curioso
Mensagens: 31
Registado: 21 jul 2017, 00:08
Profissão: Eletromecanico
Localização: Oeiras
Enviou: 1 vez
Agradecimento recebido: 3 vezes

Re: Mais uma vítima da corrente elétrica!

Mensagem por rmvg » 11 jul 2018, 22:02

edeluz Escreveu:
10 jul 2018, 20:10
rmvg Escreveu:
10 jul 2018, 19:37
Montar um termoacumolador nao tem ciência nenhuma e o acidente nem deve ter sido devido à montagem mas sim à qualidade do mesmo como é possível as grandes superfícies venderem aparelhos de marca branca a metade do preço de um de marca
Cozer a ferida de alguém também não tem ciência nenhuma! E acredita sei fazer um ponto cruz excelente! (estou a falar a sério! Aprendi com as minhas avós) Agora se estou apto a fazer este tipo de serviço ou não é óbvio que não! Durmo com uma enfermeira todas as noites (é sempre a mesma ok! :D e o que me distingue dela é o facto de ela ter estudado e treinado para saber o que faz quando tem que cozer alguém!

É graças a esses tipos de atitudes que temos todos a fazer tudo! Resumindo, é uma confusão dos diabos! As profissões vão perdendo crédito e conteúdo. Até porque nos últimos anos ganhou-se a ideia que não é preciso estudar. Basta ir fazendo....
no meio de tanta cozedura me perdi aqui um pouco!!
Apenas acho um pouco injusto as criticas ao senhor e ninguém sabe o motivo do acidente.

Responder

Voltar para “Problemas Elétricos”

Quem está ligado:

Utilizadores neste fórum: Nenhum utilizador registado e 3 visitantes