Bomba submersível

Responder
skelt
Curioso
Curioso
Mensagens: 65
Registado: 21 jan 2008, 23:29
Profissão: Electricista
Localização: Lisboa
Enviou: 5 vezes
Agradecimento recebido: 2 vezes

Bomba submersível

Mensagem por skelt » 20 fev 2018, 10:56

Boas, tenho uma bomba submersível que me dispara o Dijuntor existe alguma forma de medir a bomba antes de a retirar para fora, para saber se realmente está avariada.



Avatar do Utilizador
LVirtual
Electricista de 1ª
Electricista de 1ª
Mensagens: 390
Registado: 23 fev 2017, 23:30
Profissão: Tecnico de Electronica
Localização: Carcavelos
Enviou: 82 vezes
Agradecimento recebido: 46 vezes
Contacto:

Re: Bomba submersível

Mensagem por LVirtual » 20 fev 2018, 11:03

É liga-la noutro disjuntor a ver se tambem o dispara.
se nao disparar é porque ou ha uma anomalia no disjuntor ou o disjuntor original é mais fraco que o segundo e pode estar a trabalhar muito á pele com a bomba e eventualmente mais coisas ligadas no mesmo sitio.

senao só mesmo abrindo a bomba e analisar o estado do motor.

ou entao verificar o estado do cabo de alimentaçao da bomba, desde o motor ate ao quadro. pode estar deteriorado nalgum ponto.
Silvio Santos - http://www.s-tronika.com

ohmico
Velha Guarda
Velha Guarda
Mensagens: 1581
Registado: 22 fev 2008, 14:44
Enviou: 5 vezes
Agradecimento recebido: 34 vezes

Re: Bomba submersível

Mensagem por ohmico » 20 fev 2018, 12:31

Boas,

mas o que é que dispara é algum diferencial?

Se for é só confirmar medindo a resistência de isolamento com um megaohmímetro.

Ohmico

joao.pt
Técnico Dedicado
Técnico Dedicado
Mensagens: 785
Registado: 02 out 2014, 21:42
Profissão: Técnico
Agradecimento recebido: 137 vezes

Re: Bomba submersível

Mensagem por joao.pt » 20 fev 2018, 12:32

O disjuntor dispara no arranque ou ao fim de algum tempo de trabalho? O caudal de bombagem está normal? Mede os valores de tensão (a trabalhar e desligada) e corrente.

skelt
Curioso
Curioso
Mensagens: 65
Registado: 21 jan 2008, 23:29
Profissão: Electricista
Localização: Lisboa
Enviou: 5 vezes
Agradecimento recebido: 2 vezes

Re: Bomba submersível

Mensagem por skelt » 20 fev 2018, 19:18

O que dispara é mesmo o Dijuntor e não tem qualquer defeito a tensão está estável, o Dijuntor dispara logo no arranque da bomba dá um estoiro forte de curto, só queria saber se existe alguns testes que possa fazer sem tirar a bomba para fora pois ela está num lago a uns 4 metros de profundidade e pesa uns bons 100kg.

Avatar do Utilizador
MFigueiredo
Curioso
Curioso
Mensagens: 30
Registado: 27 nov 2010, 17:06
Profissão: Eletricista
Localização: A sul do norte e a norte do centro
Enviou: 5 vezes
Agradecimento recebido: 7 vezes

Re: Bomba submersível

Mensagem por MFigueiredo » 20 fev 2018, 20:17

Tem que tirar a bomba. Ou tem o cabo danificado ou estar em curto circuito ou ainda bloqueada.
MFigueiredo

joao.pt
Técnico Dedicado
Técnico Dedicado
Mensagens: 785
Registado: 02 out 2014, 21:42
Profissão: Técnico
Agradecimento recebido: 137 vezes

Re: Bomba submersível

Mensagem por joao.pt » 20 fev 2018, 21:20

Tal como já foi sugerido, terás de retirar a bomba.

skelt
Curioso
Curioso
Mensagens: 65
Registado: 21 jan 2008, 23:29
Profissão: Electricista
Localização: Lisboa
Enviou: 5 vezes
Agradecimento recebido: 2 vezes

Re: Bomba submersível

Mensagem por skelt » 21 fev 2018, 12:27

Obrigado a todos pelas dicas

HJCruz
Aprendiz
Aprendiz
Mensagens: 105
Registado: 18 jan 2018, 15:56
Profissão: Técnico de Electrónica/Inst. Eléctricas
Localização: Castelo Branco
Enviou: 20 vezes
Agradecimento recebido: 15 vezes

Re: Bomba submersível

Mensagem por HJCruz » 22 fev 2018, 14:35

Com certeza você têm ligação de terra na bomba. Pode sempre medir se a fase ou o neutro estão em curto com a terra.
Se o disparo é forte é possível que passe por aí. Mas vá mentalizando-se que tem de retirar a bomba do lago
Atenciosamente,
HJCruz

Faiante
Curioso
Curioso
Mensagens: 34
Registado: 08 mai 2018, 10:58
Profissão: pré-reformado da EDP
Agradecimento recebido: 4 vezes

Re: Bomba submersível

Mensagem por Faiante » 05 dez 2018, 18:56

Olá amigo skelt.

Permita-me que lhe dê algumas dicas sobre a questão do disparo da sua bomba.
1º - A bomba é submersível? A quantos metros de profundidade se encontra?
2º - Que tipo de protecção actua?
2.a) - Qual destas protecções actua por disparo:
Protecção Diferencial, relé térmico de protecção da bomba ligado ao contactor e que recebe o nome de discontactor ou será o disjuntor magnetotérmico do quadro geral da instalação.

Explicação - Dado que não identifica qual destas protecções actuam, Irei tentar ajudá-lo sobre as suas dúvidas relativas quanto ao assunto em questão.
1º - Análise de bomba submersível em curto-circuito.
Quando existe um defeito na bomba há a possibilidade da ocorrência de um de dois defeitos a) - Passagem de um dos enrolamentos à massa (terra). Nesta condição, dispara o elemento diferencial, podendo, nalguns casos ocorrer o disparo do disjuntor limitador da EDP.
Aqui chegados, ficamos sem saber se o disparo será por máxima ou por defeito à terra (massa, corpo ou estrutura metálica da bomba).
2º - Poderá ocorrer disparo térmico devido a sobreaquecimento nos enrolamentos do motor da bomba, causado por: Falta de água, devido ao caudal da água se encontrar demasiadamente baixo. Ou, então por esforço resultante da prisão de um mais elementos que formam a bomba (turbinas), devido a passagem de areia sugada pelas turbinas.
Neste caso em concreto o disparo ocorre no disjuntor térmico do discontactor - Será necessário deixar passar algum tempo de repouso até que o par bimetálico arrefeça, e possa ser rearmado de novo.
3º - Poderá haver também a situação em que o relé térmico do discontactor esteja mal regulado e seja a causa desse disparo intempestivo.
4º A bomba poderá estar a sugar ar caso esta esteja fora do caudal do furo.

Descrição prática de como se avalia o estado de uma bomba submersível.
1º - Com um multímetro na escala de tensões verificar se:
a) - Tensão de serviço da bomba - Normalmente serão entre 380 e 400 volt se estamos a falar de uma bomba trifásica
b) - Intensidade da bomba = corrente de consumo da bomba
c) - Caso alguma destas grandezas eléctricas não sejam as ideais deve verificar o seguinte:

Avaria no circuito de potência
O relé ou o contactor podem estar com um dos contactos deficientes apresentando avaria, logo perigo para o funcionamento da bomba.
Avaria na bomba:
Para nos certificarmos de que a bomba está avariada executamos as seguintes medições a saber:
a) - Com o multímetro na escala de resistências (cursor posicionado no besouro) verificar entre cada uma das fases e a terra se há fuga ou não à terra ou à massa. Com o cursor posicionado na escala dos megaohm, medir entre si cada uma das resistências que formam as bobinas da bomba. Para que a bomba esteja em bom estado os valores medidos devem ser quase idênticos em cada uma das medições.

Espero ter ajudado, no entanto estarei sempre ao dispor para ajudar naquilo que souber.

CPtos
JAG

Responder

Voltar para “Discussão Eletricidade”

Quem está ligado:

Utilizadores neste fórum: Nenhum utilizador registado e 5 visitantes